SUCESSO! CAMPANHA FRALDINHAS NAS VILAS BATE A META DE DOAÇÕES E SUPERA OS LIMITES DA CAPITAL

A campanha contou com o apoio de influenciadores digitais e até de um casal de brasileiros que moram na Alemanha

  • Data: 5 de novembro de 2020
  • Categoria(s): Tá dando certo

A campanha “Fraldinha nas Vilas”, realizada pelo Periferia Viva, atingiu sua meta de doações. A campanha objetivava beneficiar 100 famílias em situação de vulnerabilidade em BH e região com um kit de três fraldas ecológicas (mais os absorventes que as acompanham) – que podem ser reutilizadas –  para os bebês. O intuito é amenizar os gastos com fraldas descartáveis, uma vez que, com a pandemia, muitos perderam o emprego e precisaram focar na compra de comida. Além disso, as fraldas ecológicas são uma opção sustentável. Para saber um pouco mais da campanha, clique aqui.

A campanha, que contou com a ajuda de dois voluntários e sete pessoas da equipe da AIC, conseguiu arrecadar R$130.199,00 para a compra das fraldinhas, pela ação de 143 benfeitores. As pessoas se envolveram tanto com a causa que começaram a criar outras formas de ajudar: recebemos um total de 74 fraldas e 160 absorventes usados, em bom estado. E lá da Alemanha, um casal de brasileiros se mobilizou para participar. Ingrid e Leandro Bighetti, do perfil @cervejacomfraldas no Instagram, ficou sabendo da campanha numa postagem feita pela professora e ativista Duda Salabert. Eles recolheram doações de fraldas ecológicas por lá, venderam e doaram o dinheiro para a campanha.

“Decidimos doar porque acreditamos que as fraldas ecológicas, além de ajudar o meio ambiente, também terá um impacto muito positivo na parte financeira das famílias.” 

Ingrid Bighetti

Para eles, campanhas como essa são importantes para ampliar o acesso a informações sobre medidas sustentáveis, ajudar as famílias em situação de vulnerabilidade e apoiar fabricantes e vendedores de produtos sustentáveis. Na Alemanha, os adeptos das fraldas ecológicas, segundo Ingrid, não são muitos, mas, gradativamente, vem crescendo como no Brasil. Para saber mais sobre a vida na Alemanha, veganismo e paternidade consciente siga a Ingrid, Leandro e o filho deles, o Mikkel, no perfil do Instagram.

Para viabilizar a campanha, foram acionados alguns parceiros. A empresa Fraldadinhos respondeu prontamente à proposta e concedeu 50% de desconto nas fraldas (a cada R$ 1,00 doado a empresa dobrou o valor). Outra importante articulação realizada foi com a ilustradora Bruna Lubambo, que disponibilizou o livro “Olha Olha” para ser entregue como recompensa aos benfeitores que realizaram a doação. Além disso, também foram feitos disparos de mensagens para influenciadores e empresas pedindo o apoio na divulgação da campanha.

No Instagram e Twitter, o Periferia Viva incentivou os seguidores a compartilharem as postagens. A prática deu certo e a campanha chegou em lideranças de coletivos de BH e região, e outros nomes como a deputada federal Áurea Carolina e a cantora Fernanda Takai.

PRÓXIMOS PASSOS

O trabalho, no entanto, ainda não acabou. As fraldas serão entregues para três iniciativas:  Associação Cultural Social Desportiva dos bairros Jardim América, Nova Granada e adjacências (ACSCD), Comitê de Apoio à Causa Indígena e a Rede Quilombola . A organização da campanha entrou em contato com as lideranças desses grupos para o mapeamento das famílias que vão receber os kits. Após a entrega, será realizada uma rede de apoio online para troca de experiências e informações de como usar as fraldas e seguir na adaptação das famílias. Essa rede será composta por famílias que utilizam ou utilizaram as fraldas com os seus bebês e as novas famílias que serão agraciadas com os kits.

A ideia é que as famílias que se adaptarem às fraldas ecológicas recebam um enxoval completo, numa fase seguinte da campanha. A equipe da campanha ressalta que as fraldas são laváveis e se adaptam ao tamanho das crianças, podendo ser utilizadas por outros familiares que possam ter um bebê futuramente.

Texto produzido pelo voluntário Arthur Santana


Últimas do instagram

The access_token provided is invalid.